Você já se perguntou se realmente está sendo assertivo nas suas vendas? Esse artigo vai lhe ajudar a entender como definir o seu Mercado e, com isso, vender mais para quem está disposto a comprar o seu produto.

Mercado:

Um mercado consiste de todos os consumidores potenciais que compartilham de uma necessidade ou desejo específicos, dispostos e habilitados para fazer uma troca que satisfaça essa necessidade ou desejo. (Comportamento do Consumidor). Para atingir o mercado ideal e obter sucesso em vendas, é necessário primeiramente identificar quem são os maiores interessados, que possuem poder de compra para consumir o produto ou serviço oferecido.

Na A.C.E. Consultoria, nós realizamos para nossos clientes pesquisas para identificação do público-alvo do seu empreendimento. Mas afinal, o que é Público-alvo? “Público-alvo trata-se de um grupo específico de consumidores ou organizações que compartilham um perfil semelhante e por isso deu vem ser o foco das ações de marketing e vendas da sua empresa, uma vez que estão mais dispostos a adquirir os produtos/serviços que ela oferece”.

Nessa pesquisa são contempladas questões mais básicas como: faixa-etária, gênero, renda, profissão, onde mora, por exemplo.
E também questões mais qualitativas e direcionadas, como: quais são os interesses, opinião sobre o produto/serviço ofertados, se já foi ou é consumidor de produtos/serviços semelhantes, qual valor enxerga no que está sendo ofertado, a que tipo de necessidade ou desejo atende, quais são a(s) principal(is) mídia(s) que fazem uso, entre outras.//

Obs: O questionário exemplificado, apesar de já fornecer um agregado de informações relevantes, não se resume apenas às questões listadas, muitas outras podem ser desenvolvidas de forma co-criada e personalizada ao cenário da empresa e a dados específicos que se queiram obter.

São questionamentos chaves, que servem para estruturação e caracterização do público-alvo da sua empresa. Essas informações servirão de base para o direcionamento da estratégia de marketing a ser desenvolvida e aplicada, contemplando uma das pontas do triângulo: o Mercado certo.

Exemplo de direcionamento estratégico: gerações

Através da pesquisa de público-alvo, um dos elementos importantes identificados será o da faixa etária. Com essa informação a estratégia de marketing pode ser moldada a partir do perfil etário em que a maior parte do seu público se encontra, ou mesmo dos perfis, caso se trate de mais de um público.

Na sociologia, são utilizados os conceitos de “gerações” para as diferentes faixas-etárias, cada uma com características próprias. O Marketing se apropria desses conhecimentos para personalizar suas estratégias, de acordo com os perfis desses públicos, atuando de forma direcionada.

A Geração X:

O termo é baseado no livro de Douglas Copeland “Geração X: Contos para uma cultura acelerada”.  Nascidos entre 1961 e 1980, é formada por indivíduos que eram jovens demais para terem lutado numa grande guerra, mas ao mesmo tempo velhos para viver e experimentar o avanço da educação. São os que passaram mais tempo concentrados em debates para “consertar o mundo”

Geração Y ou Millennials:

O termo “Geração Y”  foi primeiramente usado em um artigo da Ad Age (revista americana que faz publicações na área de marketing). Já o termo “millennials” foi criado por Neil Howe e William Strauss, sociólogos e historiadores americanos. Nascidos entre 1980 e 1997, essa geração é formada por indivíduos que cresceram num mundo onde a tecnologia digital e a internet estavam em enorme crescimento e propagação, bem como se tornava acessível a cada vez mais públicos. Costumam compartilhar suas vidas na internet e consideram importante viver experiências exclusivas e interessantes.

Geração Z:

Nascidos entre 1998 e 2009, é constituída por indivíduos que já nasceram 100% conectados com o mundo digital e com a internet. Utilizam essas tecnologias para estarem cada vez mais atualizados, inteligentes e seguros, mesmo sendo muito jovens. É uma geração preocupada com o mundo e questões ambientais. Estão dispostos a trabalhos voluntários e possuem forte consciência da importância da educação da ética e da diversidade. Buscam por mudanças prática no mundo.